Conheça as tendências para o mercado jurídico e média salarial dos advogados em 2019

 

Pesquisa publicada pela Robert Half, empresa multinacional de consultoria especializada em recrutamento,  destaca que, em 2019, as atividades mais focadas no negócio, como societário, contratos e fusões e aquisições devem voltar a crescer, após o período de instabilidade da economia em que as oportunidades da área jurídica estavam voltadas para o contencioso e a recuperação de empresas. Essas mudanças são vistas tanto em empresas quanto em escritórios.

As carreiras como maior destaque nas empresas são de Gerente Jurídico, Societário/Contratos/M&A e Tributário. Já em escritórios são  Societário/Contratos/M&A, Contencioso Cível, Tributário e Sócios.

Revolução Tecnológica no Direito

A revolução tecnológica está transformando a maneira como as pessoas trabalham, se relacionam e vivem. A área jurídica e os profissionais do direito não estão de fora dessas mudanças. Apesar de ainda incipiente no Brasil, o mercado de Lawtechs, termo utilizado para denominar as startups jurídicas, é muito promissor, e o número de empresas do segmento cresce a cada dia.

Segundo a Associação Brasileira de Lawtechs & Legaltechs (AB2L), o Brasil é o terceiro País do mundo com mais advogados em números absolutos – são mais de 1 milhão de profissionais atuantes – e é onde mais se gasta com a justiça (1,3% do Produto Interno Bruto). Esses números já chamam a atenção dos investidores e a tendência é que 2019 seja de muito crescimento para as Lawtechs no Brasil.

Quanto aos profissionais, é tempo de mudança de mentalidade. A tecnologia vem para colaborar com o departamento jurídico das empresas, escritórios e advogados com soluções que facilitam a rotina dos profissionais e aumentam a produtividade.

 

Salários advogados em 2019