Diário Oficial da União extingue impresso e investe em novo portal digital 

A versão impressa do Diário Oficial da União (DOU) chegou ao fim. Após 155 anos, a publicação estará disponível somente na internet. A última edição no papel foi publicada nesta quinta-feira (30).

De acordo com dados do Governo Federal, a maioria dos leitores da imprensa oficial já acessa o conteúdo pela internet. São 700 mil acessos online ao mês, enquanto a versão impressa circulava com tiragem de 6 mil exemplares por dia.  O jornal já chegou a ter uma tiragem de 90 mil cópias diárias, mas o número foi diminuindo gradualmente.

Com o fim da edição impressa, cerca de 11 mil árvores  serão poupadas anualmente. Só para imprimir o DOU, o gasto de papel era de 720 toneladas atuais. Em tempos de racionamento de água no Distrito Federal, isso também vai gerar economia de 32 milhões de litros de água por mês. É o suficiente para encher oito piscinas olímpicas.

Novo DOU digital

Segundo a Imprensa Nacional, a versão digital do DOU será aprimorada. Será disponibilizado, a partir de 1 de dezembro,  um novo portal com mais funcionalidades e  facilidade de pesquisa para o usuário.

Praticidades do Conteúdo Digital

A partir da extinção da edição impressa e com o aprimoramento da versão online, o DOU caminha para tornar o seu conteúdo mais prático e acessível aos usuários. Assim como a Editora Fórum, referência em cultura jurídica digital no Brasil,  investe há alguns anos na promoção do conhecimento no ambiente digital por meio da Plataforma BID Fórum de Conhecimento Jurídico.

Com o conteúdo organizado em bibliotecas digitais, como a BID Periódicos, BID Informativos, BID Livros, BID Códigos e BID Vídeos, a plataforma disponibiliza um sistema de busca simples, rápido e inteligente, o que contribui para um aumento da produtividade durante a pesquisa de fundamentação jurídica ou de produção acadêmica, por exemplo.  Além da facilidade para encontrar o material que precisa, o acesso ao conteúdo pode ser feito 24 horas por dia e por meio do computador, notebook, tablet ou celular com acesso à internet.

Outro recurso importante é possibilidade de acesso simultâneo na plataforma. Várias pessoas podem acessar inclusive o mesmo conteúdo conjuntamente, o que elimina a preocupação com a disponibilidade do material para todos os pesquisadores, como ocorre no modelo impresso devido as suas limitações físicas.