A importância do controle interno como instrumento de governança pública

Leia o artigo de autoria das auditoras de controle externo do Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo e especialistas em Gestão Pública, Karina Ramos Travaglia e Claudia Stancioli César. O texto foi publicado na edição número 1, ano 3, da Revista Técnica dos Tribunais de Contas – RTTC

Resumo: A importância do controle interno como instrumento de governança pública

Governança pública pode ser compreendida como sendo a capacidade que os governos têm de avaliar, direcionar e monitorar a gestão das políticas e serviços públicos, visando atender, de forma efetiva, às demandas dos cidadãos. Estudos comprovam que há forte relação entre bons padrões de governança e um bom gerenciamento de riscos, no entanto, essa harmonia somente é possível se houver controles internos adequados. A eficiência dos controles favorece a adoção de boas práticas de governança, pois auxilia no processo de prestação de contas do administrador ao proprietário dos recursos e no grau de transparência quanto ao fornecimento de informações relevantes aos interessados. O objetivo desta pesquisa foi identificar atribuições relativas ao controle interno que possam contribuir para a melhoria da governança pública. O resultado sugere que um adequado sistema de controle interno é capaz de contribuir consideravelmente para o alcance dos objetivos da organização, em termos de efetividade e eficiência das operações; confiabilidade dos relatórios financeiros e conformidade com leis e regulamentos, proporcionando adequada governança das organizações públicas, de forma a contribuir para a geração de benefícios à sociedade.

Solicite aqui uma senha de degustação dos Periódicos Fórum

Download do artigo