Projeto pretende reforçar imagem positiva do Brasil para investidores norte-americanos

II Brazil Infrastructure Investiments Forum será em Nova Iorque

A mineira Editora Fórum e a Brazilian-American Chamber of  Commerce (BAAC)  são as organizadoras do II Brazil Infrastructure Investiments Forum, que será realizado no dia 20 de outubro no Hotel Hudson, em Nova Iorque. O evento tem como objetivo principal promover o encontro entre autoridades, juristas e investidores brasileiros e norte-americanos para um debate sobre as oportunidades de negócios no Brasil, com foco no setor de infraestrutura.

Segundo o advogado e responsável pelo evento no Brasil, Dr. Cesar Guimarães Pereira, são esperados 175 participantes para uma discussão ampla e produtiva que contará com a presença de juristas e autoridades das áreas de interesse. “Os participantes poderão debater diretamente com  autoridades responsáveis pela tomada de decisões e pelo controle da atuação do poder público no Brasil e, ainda, com juristas brasileiros e norte-americanos internacionalmente reconhecidos”, ressalta.

O encontro será uma grande oportunidade para que investidores, empresas e escritórios de advocacia norte-americanos conheçam mais a realidade brasileira, bem como autoridades e juristas brasileiros que atuam nas áreas de interesse. Segundo o advogado, muito embora o país esteja cada vez mais em destaque, ainda há muito desconhecimento sobre o direito e a economia do Brasil”, enfatiza.

Entre os palestrantes estão o ministro de Estado das Comunicações, Paulo Bernardo Silva, o presidente da Autoridade Pública Olímpica, Márcio Fortes, o presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), Benjamin Zymler, o sócio da Gávea Investimentos, Christopher D. Meyn, o fundador e sócio da Justen, Pereira, Oliveira & Talamini, Marçal Justen Filho, o vice-presidente do International Center for Dispute Resolution – ICDR, Dr. Luis Martinez.

O grande diferencial do II Brazil Infrastructure Investiments Forum é transmitir aos investidores externos que existe estabilidade jurídica, regulatória e econômica no Brasil, o que sinaliza para a segurança do retorno em relação aos investimentos feitos. A efetividade de proteção de direitos envolve transparência e estabilidade regulatórias, bem como a adoção de meios eficientes para solução de conflitos e controvérsias. De acordo com o advogado, o estímulo à adoção de sistemas de mediação e arbitragem, uma realidade no Brasil, visa favorecer o ambiente jurídico de atração de investimentos.

Entre os temas que serão abordados estão “A Olimpíada de 2016 e a Copa de 2014: investimentos e legado”, “Perspectivas dos setores de transporte e logística no Brasil”, “Arbitragem em setores regulados” e, ainda, “Oportunidades e desafios da infraestrutura no Brasil”.

Durante o evento, será lançada a obra “Infrastructure Law of Brazil” e a segunda edição da revista “Brazil Infrastructure Law Review”, ambos da Editora Forum. As inscrições podem ser feitas, também, pelo site da editora, www.editoraforum.com.br.  Para associados da BAAC a taxa é de US$150 e para não associados, US$ 300.