Chamada pública para o número 20

Chamada pública para o número 20, ano 14, da Revista do Instituto de Hermenêutica Jurídica

Prazo final para envio: 01 de agosto de 2016.

A Revista do Instituto de Hermenêutica Jurídica, ISSN 1678-1864 (versão impressa) e ISSN 2447-9926 (versão eletrônica), com periodicidade semestral, é um periódico dedicado especialmente à pesquisa em Hermenêutica Jurídica, com avaliação B1 pelo Qualis de periódicos da CAPES.

 

Notas:

  1. As opiniões expressas pelos autores em seus artigos e resenhas de livros não refletem necessariamente a opinião da RIHJ ou de seus Editores. Por terem ampla liberdade de opinião e de crítica, cabe aos colaboradores da Revista do Instituto de Hermenêutica Jurídica a responsabilidade pelas ideias e pelos conceitos emitidos em seus artigos.
  2. Serão aceitas apenas colaborações inéditas. A publicação de um artigo ou resenha está condicionada à sua adequação às normas editoriais, e seu simples recebimento não obriga a sua publicação.
  3. Os artigos e resenhas devem ter pertinência com o tema proposto para o volume da Revista, cabendo aos Editores a análise da adequação.
  4. A Revista do Instituto de Hermenêutica Jurídica funcionará com artigos e resenhas, entendidos estes como textos que contenham relatos completos de estudos ou pesquisas concluídas, matérias de caráter opinativo, revisões da literatura e colaborações assemelhadas.
  5. Os autores devem, em declaração própria, se manifestar antes da avaliação do artigo pelo sistema do duplo blind review sobre possíveis conflitos de interesse com editores, Conselho Editorial e avaliadores.
  6. A critério do Conselho Editorial poderão ser convidados autores com pesquisa e reconhecimento acadêmico internacional sobre o tema especifico do número da Revista.

 

Tema do número 20, ano 14 (2016):

  1. Os membros do Conselho Editorial da Revista do IHJ indicaram o seguinte tema, para o volume 20, ano 14, da Revista do IHJ: HERMENÊUTICA JURÍDICA.

1.1. Dentro dele poderão ser desenvolvidos os seguintes subtemas:

– Teoria da Constituição

– Jurisdição Constitucional

– Efetivação de direitos fundamentais

– Teoria do Direito

– Filosofia do Direito

– Análise de decisões de tribunais superiores

 

Normas para avaliação:

  1. O processo de seleção de artigos e resenhas envolve avaliação de especialistas e do Conselho Editorial.
  2. Os artigos e resenhas serão analisados pelo Conselho Editorial sobre a sua pertinência e avaliados por meio do processo de avaliação pelos pares, ou seja, serão submetidos à aprovação de pareceristas ad hoc, pelo processo denominado duplo blind review. Os artigos e resenhas serão enviados para a análise e avaliação sem a identificação de autoria, com avaliação às cegas.
  3. Os artigos serão avaliados por meio de pareceres que analisarão os seguintes itens:
  4. a) o artigo possui sumário, introdução, desenvolvimento, considerações finais (sem citações) e referências;
  5. b) adequação à temática do número;
  6. c) adequação do título, resumo e palavras-chave:
  7. c) adequação à linha de pesquisa (Hermenêutica Jurídica);
  8. d) desenvolvimento do tema de forma coerente e consistente;
  9. e) contribuição do artigo à temática proposta;
  10. f) qualidade da redação e originalidade;
  11. f) pertinência da bibliografia.

São também itens de avaliação facultativos dos pareceristas:

  1. a) o artigo se refere à apresentação de resultados de pesquisa envolvendo grupos de pesquisa;
  2. b) o artigo faz referências a números anteriores da Revista do IHJ.
  3. As resenhas serão avaliadas por meio de pareceres que analisarão os seguintes itens:
  4. a) adequação à temática do número;
  5. b) adequação à linha de pesquisa (Hermenêutica Jurídica);
  6. c) desenvolvimento do tema da obra e do seu conteúdo de forma coerente e consistente;
  7. d) qualidade da redação e originalidade;
  8. e) contribuição da resenha à temática proposta.
  9. Os artigos e as resenhas serão avaliados como aprovado(a), aprovado(a) com ressalvas, ou reprovado(a).
  10. Artigos e resenhas aprovados com ressalvas podem ser incluídos na publicação após as adequações sugeridas pelos pareceres.
  11. Os artigos e resenhas poderão ser encaminhados, mesmo se aprovados sem ressalvas, para adequações conforme sugerido pelos pareceristas ad hoc.

 

Esclarecimentos para a Apresentação do Artigo:

Formato: os artigos devem versar sobre a temática da revista trabalhada em cada volume.

Estrutura básica do artigo: Titulo; Resumo (em língua portuguesa, inglesa e em terceiro idioma); Palavras-chave (em língua portuguesa, inglesa e em terceiro idioma); Sumário; Introdução; Desenvolvimento; Considerações Finais e Referência das Fontes Citadas (conforme padrão da ABNT).

Título do artigo: em três idiomas (português, inglês e em terceiro idioma de escolha livre), deve constar na primeira página, deve ser breve e suficientemente específico e descritivo para representar o conteúdo do texto. Fonte: 12, em negrito.

Autores: deve constar o nome de todos os autores por extenso, indicando de cada autor a filiação institucional, curso, programa e linha de pesquisa, atividade profissional, lattes e endereço eletrônico. Fonte: 12.

Resumo: em todos os artigos submetidos deve ser incluído um resumo informativo com o máximo de 200 palavras e espaço entre linhas simples, em fonte 12, em três idiomas (português, inglês e em terceiro idioma de escolha livre).

Palavras-chave: Destacar três palavras-chave que representem o conteúdo do texto, em três idiomas (português, inglês e em terceiro idioma de escolha livre). Fonte: 12.

Apêndices: apêndices podem ser empregados no caso de listagens extensivas, estatísticas e outros elementos de suporte.

Materiais gráficos: gráficos (estritamente indispensáveis à clareza do texto) poderão ser aceitos e cada gráfico deverá vir no texto e, além disso, cada um deverá ser enviado em arquivo separado. Se as ilustrações enviadas já́ tiverem sido publicadas, mencionar a fonte e a permissão para reprodução.

Quadros: os quadros deverão ser acompanhados de cabeçalho que permita compreender o significado dos dados reunidos, sem necessidade de referência ao texto. Assinalar, no texto, pelo seu número de ordem, os locais em que os quadros devem ser intercalados.

Referência das Fontes Citadas: a exatidão e adequação das referências a trabalhos, que tenham sido consultados e mencionados no texto do artigo, são da responsabilidade do autor. Informações procedentes de comunicação pessoal de trabalhos em andamento ou não publicados não devem ser incluídas na lista de referências, mas indicadas em nota de rodapé.

 

Esclarecimentos para a Apresentação da Resenha:

As resenhas a serem enviadas para a Revista do Instituto de Hermenêutica Jurídica deverão seguir, no que couber, as instruções constantes nos “Esclarecimentos para a Apresentação do Artigo”.

 

Instruções para os autores

As propostas de artigos e resenhas para edição deverão ser enviadas exclusivamente para o seguinte endereço eletrônico: <revistaihj@gmail.com>.

Os trabalhos deverão ser acompanhados dos seguintes dados: nome do autor, sua qualificação acadêmica e profissional, endereço completo, telefones e endereço eletrônico, para fins de cadastro junto à Editora Fórum.

Os textos para publicação na Revista do Instituto de Hermenêutica Jurídica deverão ser inéditos e para publicação exclusiva. Uma vez publicados nesta revista, também poderão sê-lo em livros e coletâneas, desde que citada a publicação original. Roga-se aos autores o compromisso de não publicação em outras revistas e periódicos.

A revista reserva-se o direito de aceitar ou vetar qualquer original recebido, de acordo com as recomendações do seu corpo editorial, como também o direito de propor eventuais alterações.

Os trabalhos deverão ser redigidos em formato Word, fonte Times New Roman, tamanho 12, espaçamento entre linhas de 1,5. Os parágrafos devem ser justificados. O tamanho do papel deve ser A4 e as margens utilizadas idênticas de 3cm. Número médio de 15/30 laudas para os artigos e 05/08 laudas para as resenhas.

Os textos devem ser revisados, além de terem sua linguagem adequada a uma publicação editorial científica.

Os originais dos artigos devem ser apresentados de forma completa, seguindo as instruções constantes nos “Esclarecimentos para a Apresentação do Artigo” e “Esclarecimentos para a Apresentação da Resenha”.

Recomenda-se que todo destaque que se queira dar ao texto seja feito com o uso de itálico, evitando-se o negrito e o sublinhado. As citações (palavras, expressões, períodos) deverão ser cuidadosamente conferidas pelos autores e/ou tradutores; as citações textuais longas (mais de três linhas) devem constituir um parágrafo independente, com recuo esquerdo de 4cm (alinhamento justificado), utilizando-se espaçamento entre linhas simples e tamanho da fonte 10; as citações textuais curtas (de até três linhas) devem ser inseridas no texto, entre aspas e sem itálico. Todas as citações devem ser feitas no formato AUTOR-DATA, com utilização das notas de rodapé apenas para casos explicativos do conteúdo trabalhado e/ou informações secundárias. As expressões em língua estrangeira deverão ser padronizadas, destacando-as em itálico.

Os trabalhos serão avaliados por dois pareceristas pela avaliação às cegas (duplo blid review), encaminhados pela Editora Executiva da Revista, que entrará em contato com os respectivos autores para confirmar o recebimento dos textos. Os trabalhos recebidos e não publicados serão devolvidos com cópia dos pareceres. Não serão devidos direitos autorais ou qualquer outra remuneração pela publicação dos trabalhos. O autor receberá gratuitamente um exemplar da Revista com a publicação do seu texto.

As opiniões emitidas pelos autores dos artigos e resenhas são de sua exclusiva responsabilidade.

Eventuais dúvidas poderão ser aclaradas pelos telefones: (45) 9956-1980, (51) 9957-8250 e (55) 9943-5404 ou pelos e-mails:
<revistaihj@gmail.com>
<alfredocopetti@yahoo.com>
<robertamgubert@gmail.com> e
<janinhaschorr@gmail.com>.

 

 

Alfredo Copetti Neto
Editor

Roberta Magalhães Gubert
Editora

Janaína Soares Schorr
Editora Executiva


 

 

Comentários estão fechados.